IBGE aponta que Maranhão possui menor índice de rendimento domiciliar per capita do país

Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam que o índice de rendimento domiciliar per capita do Maranhão é o menor em todo o Brasil.

O valor médio na renda mensal das famílias maranhenses permanece o mesmo registrado em 2012, no valor de R$ 639. Esse valor equivale à metade da média do país.

O percentual de pessoas que recebia algum tipo de renda no Maranhão caiu para 50,3%, e somente 29% tem rendimentos provenientes de trabalho.

A maior parte da renda maranhense vem de programas assistenciais como Auxílio Brasil. O número de domicílios com algum morador recebendo esse tipo de auxílio chega a 24,4% no estado.