Acusado de  assédio e estupro, Cuba Gooding Jr. tem julgamento marcado para 2022

O ator Cuba Gooding Jr. está sendo processado desde 2019 por estuprar uma mulher dentro de um hotel na cidade de Nova York no ano de 2013. A Suprema Corte de Manhattan, na última segunda-feira (18), agendou para o dia 1 de fevereiro de 2022 o julgamento do caso.

A informação foi divulgada pelo portal Page Six. O juiz Curtis Farber declarou que o caso está em sua agenda há três anos e que não pretende alterar a data do julgamento.

O ator compareceu ao tribunal acompanhado de seu advogado, Peter Toumbekis. Ele trajava terno cinza, óculos escuro e máscara facial e estava presente quando a decisão da Corte foi comunicada.