Foragido há dois anos, suspeito de matar morador de rua é preso

A Polícia Civil prendeu, na tarde de ontem (09), o suspeito de atear fogo em um morador de rua após uma discussão em 2015. A vítima, identificada como Ivaldo Canário de Sousa, teve 90% do corpo queimado e morreu em seguida.

Segundo informações do Bandeira 2, ele foi preso na Vila Palmeira pela prática de homicídio qualificado. O suspeito foi encaminhado para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas e ficará a disposição da Justiça.