Concurso ajuda a promover a conservação de espécies de um jeito leve e divertido; confira

Cobras gargalhando, babuínos bocejando, macacos dançando, essas são algumas das cenas capturadas por fotógrafos no concurso “Fotógrafo do Ano de Comédia da Vida Selvagem”. Estes cliques inusitados, engraçados e divertidos que trazem a mente o cotidiano do homem moderno, estão apaixonando os internautas.

Tom Sullan, um dos cofundadores da competição afirma que as pessoas amam ver essas criaturas lindas nessas situações bobas — isso nos lembra que não somos tão diferentes deles.

O concurso “Fotógrafo do Ano de Comédia da Vida Selvagem” selecionou as fotos mais divertidas de animais e criou um concurso para eleger o melhor clique.

De um jeito descontraído e divertido, o concurso foi criado em 2015, com intuito de ajudar a promover a conservação de espécies silvestres e os habitats delas e contempla inclusive um pássaro e um peixe em situação inesperada no Pantanal brasileiro.

O concurso será composto por fotógrafos profissionais e amadores e será julgado por especialistas que escolherá os vencedores na competição mais fofa e aparentemente dócil da vida selvagem. Quem for selecionado pode ganhar um sáfari no Quênia, uma assinatura do Affinity Photo (software para edição de imagens), uma bolsa para câmera do ThinkThank e, ainda o prêmio de Fotógrafo do Ano de Comédia da Vida Selvagem.

A votação também está aberta para o público escolher o animal que mais achou engraçado. Basta acessar o link do concurso até o dia 10 de outubro.