Maranhão ultrapassa mais de 10 mil mortos pela Covid-19

Nesta segunda-feira (30), o Maranhão chegou a triste marca de 10.016 mortos pela Covid-19. Apesar dos números da pandemia estarem em queda, a preocupação deve continuar diante de um vírus que apresenta inúmeras mutações.

Desde o primeiro caso confirmado pela Secretária de Saúde do Maranhão (SES) em março de 2020, mais de 348 mil maranhenses já foram infectados pelo coronavírus. Com o avanço rápido da doença, o governador do Maranhão, Flávio Dino chegou a decretar por 10 dias medidas mais restritivas, o chamado lockdown que tinha por objetivo controlar a transmissão do vírus.

Passado o pico da covid no estado, a ocupação de leitos destinados ao tratamento da doença está em queda. Hoje a Grande Ilha registrou a taxa de ocupação de 42,22% nos leitos de UTI e 20,00% nas enfermarias. Em Imperatriz, a taxa está em 34,62% em UTIs e 26,92% nas enfermarias. Já nas demais regiões 45,38% de ocupação em leitos de UTI e 37,92% em leitos de enfermarias.

Com o avanço da vacinação, os números indicam queda e sinalizam para uma nova fase da pandemia. Mas os especialistas alertam para que seja mantido o uso da máscara, o distanciamento social e os cuidados básicos com a limpeza da mãos e dos objetos.