Programa de Saúde Animal detecta 51 casos de calazar na capital

Durante o Mais Saúde Animal, realizado no bairro do Coroadinho, 51 cachorros foram diagnosticados com Leishmaniose Visceral Canina (calazar). A terceira edição do programa do Governo do Estado aconteceu no sábado (21), quando foram realizados 1.123 atendimentos. Dos 131 testes rápidos para calazar, 80 deram resultado negativo e 51 positivo o que equivale a mais de 38% dos testes realizados. Os que apresentaram resultado negativo receberam coleiras de proteção contra o mosquito transmissor da doença.

A ação aconteceu no Centro de Ensino Dorilene Silva Castro e promoveu consultas e vacinação de cães e gatos. Assim que chegavam ao local, tutores e pets eram recepcionados pelos colaboradores do Mais Saúde Animal, que faziam direcionamento para a consulta previamente agendada, testagem ou vacinação.

Cerca de 40 profissionais, entre médicos veterinários e acadêmicos de medicina animal participaram da ação. Lançado em 2017 pelo Governo do Estado, o Programa Mais Saúde Animal foi retomado no mês de julho deste ano. Nas outras duas edições realizadas, a iniciativa garantiu 2.613 atendimentos a pets da capital, atendendo cães e gatos dos bairros do Anjo da Guarda, Cidade Olímpica e suas adjacências, fortalecendo nas regiões o combate à Leishmaniose e à Raiva, zoonoses endêmicas no Maranhão.