SES capacita técnicos como parte da Semana de Combate e Controle à Leishmaniose

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) iniciou, nesta segunda-feira (9), a capacitação em “Monitoramento entomológico em áreas com utilização de coleiras impregnadas com deltametrina” como ferramenta de controle de leishmaniose visceral (calazar). A ação faz parte da programação da Semana Nacional de Combate e Controle à Leishmaniose. 

O objetivo da atividade é capacitar técnicos de entomologia das regionais de saúde do estado e municípios de Timon, Caxias e São Luís para Avaliação Entomológica da implementação do uso das coleiras impregnadas com inseticida em cães em municípios prioritários para o controle da leishmaniose visceral humana e canina no Brasil. 

O treinamento, ministrado pelo pesquisador do Departamento de Epidemiologia da Faculdade de Saúde Pública/Universidade de São Paulo, Fredy Galvis Ovallos, prossegue até quarta-feira (11), no Laboratório Central de Saúde Pública do Maranhão (Lacen-MA). 

A coordenadora do Programa Estadual de Vigilância e Controle das Leishmanioses da SES, Monique Maia, destacou o empenho do Governo do Maranhão no enfrentamento, combate e controle à leishmaniose. “Tendo em vista que o programa vai implementar o encoleiramento em massa de animais como ferramenta de controle da doença tanto nos animais como nos homens, esse treinamento é de suma importância para avaliar o impacto do uso dessa ferramenta como controle também do vetor”, disse.