Featured Video Play Icon

Após um ano e meio de escolas fechadas e com o avanço da vacinação para os profissionais da educação, o secretário Felipe Camarão confirmou o retorno das aulas no dia 2 de agosto, de forma híbrida e cumprindo todos os protocolos de segurança sanitária no combate a Covid-19.

As aulas estão autorizadas em todo território maranhense, mas o retorno das aulas da rede municipal fica a cargo de cada Prefeitura. De acordo com o secretário, a forma dessa volta híbrida ficará como estratégia de cada escola, podendo dividir os alunos em um dia sim outro não, ou semana sim e semana não.

“Nesse retorno estará tendo aula presencial e também aulas a distância, a escola que vai verificar uma estratégia para não aglomerar, até mesmo com um intervalo de forma separada entre as turmas. Só queremos garantir o ambiente escolar como um ambiente seguro no combate a Covid-19”, destacou o secretário.

Para Felipe Camarão, a preocupação maior é com os alunos menores. “Essa pandemia gerou abandono escolar, déficit de aprendizagem e muitos prejuízos aos menores. Iremos trabalhar para melhorar esse cenário. Além disso, temos uma preocupação com a parte psicopedagógico, com acolhimento constante e permanente”, disse Felipe Camarão.

Confira a entrevista na íntegra.