“Irei aguardar manifestação técnica de cientistas”, diz Dino sobre negativa da Anvisa

O Governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), declarou em suas redes sociais que irá “aguardar manifestação técnica de cientistas brasileiros e russos” sobre da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a liberação da vacina russa Sputnik V.

A Anvisa negou nesta segunda-feira (26), a autorização para a importação da vacina russa Sputnik V por dez Estados. Em reunião extraordinária, a diretoria colegiada da agência rejeitou por unanimidade o pedido e embasou sua decisão na falta de dados básicos para análise do produto e em falhas identificadas pela área técnica da Anvisa que podem comprometer eficácia, segurança e qualidade do produto.

“Verificamos a presença de adenovírus replicante em todos os lotes. Isso é uma não-conformidade grave e está em desacordo com o desenvolvimento de qualquer vacina de vetor viral. A presença de um adenovírus pode ter impacto na nossa segurança quando utilizamos a vacina”, destacou Gustavo Mendes, gerente-geral de medicamentos e produtos biológicos da agência durante a audiência extraordinária.