Flávio Dino revela tentativa de roubo a vacinas contra Covid-19 no Maranhão

Em coletiva realizada nesta sexta-feira (26), o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), revelou que houve tentativa de roubo a vacinas no Maranhão.

Segundo Flávio, a Polícia Civil já abriu inquérito para investigar o caso, que envolve a tentativa de arrombamento dos depósitos de vacinas.

Toda as vacinas que o Estado recebe são  encaminhadas para a Rede de Frio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), localizada na Vila Palmeira,  responsável pela distribuição aos municípios maranhenses. 

 Novas doses

O Maranhão recebe, neste sábado (27), 158.700 doses de vacinas contra a Covid-19, sendo 78.200 doses da CoronaVac e 80.500 da AstraZeneca. As vacinas serão encaminhadas para a Rede de Frio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), responsável pela distribuição aos municípios maranhenses. 

Nesta remessa, as doses da Astrazeneca são destinadas à vacinação de 63% da população quilombola e ribeirinha, e as de CoronaVac à imunização de 3,4 % dos trabalhadores da saúde e 65% dos idosos entre 70 e 74 anos. 

Com as novas doses, o Maranhão alcançará o quantitativo de 1.004.390 de doses já recebidas, sendo 294.750 da AstraZeneca e 709.640 doses da CoronaVac.

Os imunizantes partem de São Luís para as sedes das Regionais de Saúde, que farão a distribuição para os respectivos municípios, conforme o quantitativo de doses para cada um. O percurso até as prefeituras segue com o apoio da Polícia Militar.