Adolescentes cavam própria cova antes de serem executadas

Duas adolescentes, uma de 16 e outra de 17 anos, foram executadas a tiros e enterradas em covas rasas na cidade de Timon, a 450 km de São Luís. As duas moravam na cidade de Teresina (PI)  e os corpos foram localizados pela polícia neste domingo, (21) em um matagal no bairro Parque Aliança, na cidade maranhense.

As duas adolescentes seriam integrantes de uma facção criminosa e teriam sido capturadas por membros de uma facção rival. Antes de serem executadas as duas vítimas foram submetidas a uma sessão de julgamento do Tribunal do Crime.

Elas foram torturadas e obrigadas a abrirem as covas onde foram enterradas.  Imagens das vítimas sendo torturadas e abrindo as próprias sepulturas foram postadas nas redes sociais pelos executores. Os corpos das duas adolescente foram resgatados por homens do Corpo de Bombeiros  e a Polícia Civil deu início às investigações para identificar os autores do crime.