Prédio do Centro Caixeiral abrigará cursos de Direito e Relações Internacionais da UEMA

O prédio do Centro Caixeiral, no Centro Histórico de São Luís, vai abrigar dois cursos da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA): o de Direito e o de Relações Internacionais, que está sendo implantado e deve iniciar suas atividades a partir do próximo ano. A informação é do reitor da UEMA, Gustavo Pereira da Costa, divulgada depois que o governador Flávio Dino anunciou, nas redes sociais, o início da revitalização do imóvel por meio do Nosso Centro, um programa de valorização do patrimônio histórico de São Luís. 

O imponente imóvel do Centro Caixeiral, de dois pavimentos, tem localização estratégica dentro da paisagem urbana do Centro Histórico de São Luís, pois fica de frente à Praça Benedito Leite, com laterais para as Ruas de Nazaré e Dom Francisco (Beco da Sé). No segundo pavimento estão posicionadas 28 janelas com sacadas, sendo 13 voltadas para a praça. A maior de todas as sacadas está estrategicamente voltada para a esquina da Rua de Nazaré com a Rua da Palma.

A desapropriação do prédio, de propriedade da Loja Maçônica Renascença Maranhense, foi realizada por meio de ação da Secretária de Estado de Cidade e Desenvolvimento Urbano (Secid). O projeto de revitalização do prédio do Centro Caixeiral foi elaborado pela Secretaria de Estado da Cultura (Secma), por meio da Superintendência do Patrimônio Cultural do Estado, em parceria com a equipe técnica de engenharia e arquitetura da UEMA. Os tapumes de isolamento já foram fixados e a obra terá início com a aprovação do projeto pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, medida legal necessária, pois o imóvel está localizado em uma área tombada pela União. 

O superintendente do Patrimônio Cultural do Estado, arquiteto e urbanista Luis Eduardo Longhi informou que a previsão é que os serviços estejam concluídos até o fim deste ano. Serão feitas adaptações, sem interferir no visual original do imóvel, com o objetivo de acomodar os cursos da UEMA. “Estamos fazendo a revitalização do imóvel para que esteja pronto para receber as atividades da UEMA”, explicou.

Todo o prédio será revitalizado. O projeto inclui biblioteca e salas de aula. O auditório será adaptado aos tempos atuais, sem perder suas características originais. Os banheiros e demais dependências terão acessibilidade e serão instalados sistemas hidráulicos e elétricos. O primeiro trabalho será o de manutenção da fachada para evitar acidentes neste período de chuvas que está iniciando. Logo depois de concluído todo o trabalho de revitalização, o imóvel será entregue à UEMA.

O reitor da UEMA, Gustavo Pereira da Costa, ressaltou que o prédio do Centro Caixeiral tem localização estratégica e valor histórico muito significativo, pois abrigou a Escola Técnica de Comércio, o Educandário Carmelita de São Luís e, depois, foi entregue em doação para a Loja Maçônica Renascença Maranhense, pois o prédio pertencia a um maçon.