Moradores do residencial Primavera sofrem com as consequências das fortes chuvas

As fortes chuvas da madrugada de hoje (16) provocaram uma série de transtornos para os moradores do Residencial Primavera. Somente em uma das ruas, sete famílias foram atingidas pelo alagamento em decorrência das chuvas.

Após 20 horas do início das chuvas, algumas ruas ainda continham muita água e os moradores ainda tentavam retirar a água de dentro das casas. Uma equipe da Defesa Civil foi acionada e compareceu ao local para fazer o levantamento de danos, riscos e avaliar estrutura dos imóveis.

De acordo com os moradores a noite foi terrível, o aposentado Moacir Leite teve dois dos oito cômodos da sua casa completamente alagados e relatou que ele e a esposa tiveram diversos prejuízos “Quando começou a chover foi enchendo cada vez mais e nós saímos porque a situação estava ficando cada vez pior”.  

O superintende da Defesa Civil, Alessandro Nogueira relatou o estado do bairro “Fomos acionados pela comunidade que havia um alagamento e viemos verificar para saber o que causou e saber também se existe alguma família que precisa do nosso apoio no Residencial Primavera”.