Sampaio Corrêa é o único clube do Nordeste na Liga de Basquete Feminino (LBF)

Campeão da última edição da Liga de Basquete Feminino (LBF), finalizada, em 2019, o Sampaio Corrêa é único representante do Nordeste na competição, que começa dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher.

O regulamento da competição e os protocolos de saúde a serem adotados em meio à pandemia do novo coronavírus (covid-19) serão definidos nesta quinta-feira (4).

 “Seguindo nossa programação, em conjunto com as equipes participantes, definiremos o regulamento do campeonato e principalmente os protocolos em relação à COVID-19. Queremos uma edição organizada e com muita segurança a todos”, destacou o presidente da LBF, Ricardo Molina. 

 O torneio reunirá sete remanescentes da temporada passada, que teve apenas três jogos realizados antes de ser interrompida – e posteriormente cancelada – por conta da pandemia.

Serão oito clubes de quatro estados do Brasil na disputa pelo título da principal competição da modalidade no país: Bax Catanduva-SP, Blumenau-SC, Ituano Basquete-SP, Sampaio Basquete-MA, Santo André/Apaba-SP, SESI Araraquara-SP, Sodiê Doces/Mesquita/LSB-RJ e Vera Cruz Campinas-SP.