Vacinação rápida evitará surgimento de novas variantes da covid-19, diz Fauci

Epidemiologista e conselheiro da Casa Branca, Anthony Fauci defendeu nesta segunda-feira, 1º de fevereiro, a vacinação rápida contra a covid-19, o que segundo ele ajudará a evitar o surgimento de novas cepas do vírus. A declaração foi dada durante entrevista coletiva virtual, realizada pela força-tarefa do governo dos Estados Unidos para a pandemia. “O vírus não pode sofrer mutação se não se disseminar mais”, lembrou.

Fauci disse que a variante da covid-19 registrada primeiro no Reino Unido teve impacto mínimo na eficácia das vacinas disponíveis. No caso da cepa localizada na África do Sul, o impacto foi maior, mas o imunizante continua a funcionar na margem adequada para combater a pandemia, afirmou ele.

Também presente na coletiva, a diretora do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês), Rochelle Walensky, falou que as variantes “são uma preocupação” e que as autoridades esperam a chegada de outras cepas em solo americano.

Ela lembrou que algumas delas já chegaram, inclusive uma da cepa localizada inicialmente no Brasil, que foi localizada no Estado de Minnesota.