Sampaio sai na frente, mas sofre virada em Maceió

Em partida disputada no Estádio Rei Pelé, na tarde deste sábado, o Sampaio Corrêa fez um jogo equilibrado contra o CSA, saiu na frente, mas acabou perdendo a partida por 2×1.

A equipe Tricolor saiu na frente no segundo tempo com um belo gol de Marcinho, mas tomou dois gols em três minutos na sequência. Depois ficou com um jogador a menos, e, mesmo assim, ainda batalhou muito pelo empate, no entanto, não conseguiu superar a defesa alagoana.

O jogo  

Os donos da casa avançaram as linhas no início do jogo para tentar exercer pressão, mas esbarravam na forte marcação Tricolor, que aguardava uma chance de contra-ataque.

Aos 20 minutos, Roney colocou o goleiro do CSA para trabalhar com um chute forte, levando perigo. Instantes depois o adversário respondeu com uma batida venenosa para defesa de Gustavo.

Com poucos espaços e as marcações se sobressaindo, o primeiro tempo chegou ao fim no Estádio Rei Pelé sem movimentação no marcador.  

O cenário se modificou na etapa final, com um confronto mais aberto, que resultou em três gols no intervalo de cinco minutos.

O primeiro a marcar foi o Sampaio, aos 20 minutos, com Marcinho, que fez um golaço chutando de fora da área, a bola bateu no travessão e entrou. Aos 22, o CSA empatou de cabeça e virou aos 25.

A situação da equipe Tricolor se complicou ainda mais com a expulsão de Pimentinha, por reclamação. Mesmo com um a menos, o Sampaio ainda batalhou pelo empate, mas a partida chegou ao fim com vitória do time alagoano.

O próximo desafio do Sampaio Corrêa pela Série B será diante do Cruzeiro, na sexta-feira, dia 8, às 21h30, no Estádio Castelão. 

Ficha Tricolor

Gustavo, Joazi, Joécio, Daniel Felipe e João Victor (Marlon); Léo Costa (Serginho), Vinícius Kiss (André Luiz) e Marcinho (Robson Duarte); Roney (Jackson), Pimentinha e Caio Dantas.