Governo do Estado finaliza protocolo para construir novo Socorrão em Imperatriz

Neste sábado (19), em solenidade no município de Imperatriz, o vice-governador Carlos Brandão assinou ordem de serviço para construção do Hospital de Urgência e Emergência da Região Tocantina, o Socorrão. Segundo Carlos Brandão, o novo Socorrão de Imperatriz é uma demanda antiga e esperada pela população tocantina e, após concluída, vai contribuir para desafogar as demais unidades da região.

“Era o que faltava na região tocantina, esta unidade de urgência e emergência, que vai atender Imperatriz e toda a região. O Governo do Estado melhorou muito o sistema de saúde do Maranhão, totalizando 30 novas unidades construídas. Com vários hospitais, aparelhados e equipados, o Governo consegue atender melhor e, hoje, temos esse presente para a região tocantina”, pontuou. 

A estrutura vai contar com leitos de internação, enfermaria e Unidade Terapia Intensiva (UTI); serviços ambulatoriais, observação adulta e pediátrica; sala de medicamentos/inalação pediátrica, sutura/curativo, imobilização, coleta adulta e pediátrica, para procedimentos de emergência, diagnóstico e terapia, salas cirúrgicas e de recuperação pós-anestésica. Entre os exames, consultas e outros serviços, estão tomografia, ultrassonografia, eletrocardiograma, colonoscopia, raio x e endoscopia.  

O Hospital de Urgência e Emergência da Região Tocantina vai integrar um complexo de saúde da rede estadual e funcionar ao lado do Hospital Macrorregional Drª Ruth Noleto – entregue pelo Governo do Estado em 2016 e que vem sendo um dos grandes polos de combate ao coronavírus na região. O objetivo é oferecer no novo ‘Socorrão’ a mesma qualidade que já existe no Hospital Macrorregional, tanto nas condições de estrutura física, quanto de humanização do atendimento. 

A nova unidade atende a modernos conceitos de funcionalidade, otimização de espaço, segurança hospitalar e de prevenção a incêndio. O secretário de Estado de Infraestrutura (Sinfra), Clayton Noleto, destacou obras do Governo na região e a importância da nova unidade para a população tocantinense. O secretário destacou que, atualmente, o Governo investe em Imperatriz cerca de 15 milhões de reais, mensalmente, com as atividades dos hospitais Macrorregional, Materno Infantil, UPA da Bernardo Sayão, Casa da Gestante e no atendimento de câncer. 

“Agora, a construção do novo Socorrão vai oferecer mais segurança, conforto e resolutividade para Imperatriz e toda a região. É um trabalho sério, firme e determinado, que mesmo em meio de uma grande crise, o Governo realiza vários investimentos que melhoram a vida do nosso povo. Mais um sonho realizado”, enfatizou o titular da Sinfra, Clayton Noleto.

A concepção, projeto arquitetônico e executivo do hospital foram desenvolvidos pelas secretarias de Estado de Infraestrutura (Sinfra), da Saúde (SES) e Superintendência de Vigilância Sanitária do Maranhão (Suvisa). As obras iniciam a primeira fase com a construção de 131 leitos e conta com projeto de expansão para alcançar 400 leitos. A obra de construção da unidade recebe investimentos de R$ 61 milhões.

Informações do Governo do Maranhão