Senador Weverton faz balanço das ações de 2020 no Ponto e Vírgula

O Ponto e Vírgula, da Difusora FM, entrevistou o senador Weverton Rocha (PDT) nesta sexta-feira (18). Durante o programa, Weverton fez um balanço das ações de 2020 e das diversas pautas importantes votadas no Congresso Nacional.

“Ontem mesmo lembrei dos projetos votados ao longo de 2020. Ao todo, foram 342 matérias apreciadas, sendo destas, 168 rejeitadas, 181 aprovadas e 73 sancionadas. Como exemplo, a lei de minha autoria que já está funcionando, que proíbe o corte de energia elétrica”, comentou. “Temos também a PEC do Fundeb, que aumenta o número de recursos para a educação pública. Com isso, principalmente o Maranhão, o interior do nordeste e do norte, terão mais recurso para o Fundeb”.

Dentre os projetos citados, o senador falou sobre o auxílio aos estados e municípios, que possibilitou que os governantes pudessem manter a folha em dia e a economia funcionando. “É um assunto que nos preocupa. Fui relator do estado de calamidade pública e, por causa dele, tivemos o auxílio emergencial, que encerra dia 31 de dezembro.”

Ao ser questionado sobre a continuação do auxílio emergencial, Weverton disse que o Congresso tem feito apelos grandes para que o governo federal se sensibilize. “É um erro grave, temos feito apelos grandes para que o governo se sensibilize para continuar com o auxílio emergencial. Sem esse dinheiro, teremos um mês de janeiro sem auxílio, sem vacina, sem condições concretas para enfrentar os problemas. Ou seja, a tendência é diminuir os recursos para políticas públicas”, pontuou. “O ano de 2021 deve ser um ano muito difícil”.

Sobre as eleições de 2020, Weverton Rocha avaliou como totalmente positiva para o PDT. “A avaliação da eleição foi totalmente positiva. Foi o partido que mais elegeu prefeitos e vereadores em todo país. No Maranhão, foi o partido que melhor se saiu nas urnas”.