PRF-MA apreende 35 pássaros durante fiscalização a ônibus na BR-010

Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal do Maranhão (PRF-MA) apreendeu diversos pássaros durante uma fiscalização em frente a Unidade Operacional da PRF de Porto Franco (km 156.0 da BR 010, quando foi dada ordem de parada ao ônibus Mercedes Benz/Mpolo Paradiso R.

De acordo com informações da PRF, durante fiscalização no compartimento de passageiros, os agentes receberam que ao fundo do veículos, haviam algumas gaiolas envolvidas com sacos pretos, porém sem nenhuma ave dentro.

Diante disso, a PRF ordenou que o homem sentado na poltrona 39, que estava coberto com edredom, deixasse a coberta de lado e entregasse a documentação, mas logo os agentes perceberam que uma pequena gaiola para transporte de pássaros, do tipo viajante, com seis pássaros, sendo que um deles já estava morto, se encontrava embaixo das pernas do senhor.

Ainda segundo a PRF, o senhor negou que estivesse transportando mais pássaros, no entanto, após buscas feitas em sua poltrona, foram encontradas mais 11 viajantes, todos com aves em seu interior, totalizando assim 12 gaiolas para transporte de pássaros.

O senhor relatou que tinha somente a documentação para o transporte dos curiós, 14 no total, mas que não tinha a mesma documentação para os outros animais. Declarou que pegou os curiós na cidade Mogi Guaçu/SP, na casa de um criador e que levaria para uma outra pessoa no município de Timon.

O senhor relatou que nenhum passageiro ou mesmo os motoristas do ônibus notaram os animais, omitiu desde o início que estava levando os pássaros e que entrou no ônibus com eles dentro de um bolsão de plástico.

Ao todo, a PRF apreendeu: 35 aves, sendo: 6 trinca-ferro (Saltator similis); 6 coleirinho (Sporophila caerulescens); 1 patativa do brejo (Sporophila leucoptera); 3 gutiatã (Euphonia violacea); 3 xexéu guaxe (Cacicus haemorrhous); e 3 canários belgas (Serinus canaria domestica); 13 curiós (Sporophila angolensis), sendo 1; 12 gaiolas para transporte de pássaros (viajantes); e 4 gaiolas.

O envolvido se comprometeu a comparecer em juízo quando assim for determinado para prestar esclarecimento. Os animais apreendidos serão encaminhados para o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), na cidade de Imperatriz.

*Com informações da PRF-MA