Marinha deve investigar afundamento de balsa que transportava paredão de som em Barreirinhas

Uma balsa que estava transportando um paredão de som no Rio Preguiças, em Barreirinhas, a 261 km de São Luís, acabou afundando durante uma festa. Cerca de 30 a 40 pessoas participavam do evento. Felizmente ninguém ficou ferido.

O delegado regional de Barreirinhas Cristiano Morita, informou a redação do Portal MA10, que a polícia concedeu autorização a um grupo que pediu para realizar uma festa, uma espécie de “bar flutuante” no último domingo (1). No entanto, ao tomar conhecimento de que o veículo a ser utilizado seria uma balsa que ficaria atracada no cais da cidade, a permissão foi revogada e uma equipe da polícia foi deslocada ao local para cancelar a festa.

“Eles pediram autorização para fazer um evento, um bar flutuante e nós concedemos. Mas soubemos que eles utilizariam uma balsa, um veículo que requer uma fiscalização da marinha, um controle mais rigoroso, e de imediato suspendemos a liberação para o evento”, disse o delegado.

Ainda segundo Cristiano, ao chegarem no local, os policiais se depararam com uma situação de embriaguez ao volante. Onde o condutor de uma motocicleta acabou sendo autuado e levado para a delegacia. Ao retornarem para o rio, a a balsa já havia afundado juntamente com o paredão de som. Imagens que circulam nas redes sociais mostram a movimentação na hora do acidente.

O delegado informou que o responsável pela festa foi conduzido para a delegacia e responderá pelos crimes de desobediência e periclitação da vida e da saúde, á que pôs em risco a vida das pessoas que estavam no local.

A delegacia também enviará um ofício a Marinha do Brasil para que um levantamento mais detalhado seja feito no veículo e no local a fim de determinar o que teria provocado o afundamento da balsa, bem como uma avaliação e possível aplicação de multa aos responsáveis.