Featured Video Play Icon

O programa Bom Dia Maranhão, apresentado por Adalberto Melo, acompanhado pelo jornalista Jhon Cutrim, na TV Difusora e Rádio Difusora FM, recebeu o candidato a prefeito de São Luís, Yglésio Moisés (PSTU), para a sabatina organizada pelo Sistema Difusora.

As sabatinas ocorrerão entre os dias 12 e 27 de outubro com duração de 30 minutos, divididas em dois blocos de 15 minutos cada.

Para que conheça um pouco melhor os candidatos, o portal MA10 traçou o perfil dos candidatos que estão concorrendo à vaga no Executivo Municipal.

Yglésio começou falando sobre a prioridade nos 100 primeiros dias de governo. Segundo ele, terá uma organização na máquina administrativa devido um ano difícil por conta da pandemia e as sequelas de recuperação da doença e da arrecadação financeira. “Iremos buscar outros mecanismos de arrecadação, pretendemos fazer a extinção da Secretaria de Governo e de todos os setores que tem gastos desnecessários”, destacou o candidato.

“São Luís precisa resolver, de verdade, o problema de abastecimento do Socorrão 1 e 2, precisa garantir que as crianças tenham um metro de distanciamento, máscara tripla, proteção para elas e para os professores. Precisamos resolver os problemas sanitários, ainda não temos vacina, para isso, não iremos gastar com pessoal e, sim, investir nas pessoas”, garantiu Yglésio.

Na Saúde, o candidato informou que sabe o caminho para melhorar o setor, já são 17 anos na área e conhece toda a rede pública de saúde.

Já no transporte público, de acordo com o candidato, não tem benefício algum a construção de Terminal de Integração dentro de bairros que são fim de linha, o que precisa é prolongar o bilhete único, regularizar e fazer manutenção das paradas de ônibus, discutir as linhas de trânsito e aumentar as faixas de preferência, sem tirar empregos e comércio. “Vamos em busca da esperança de uma cidade melhor, com esforço coletivo para economizar, não com mentiras”, falou.

E continuou: “Queremos uma prefeitura melhor, mais humana, que antes de se preocupar com prédios e construções, se preocupa com as crianças de 0 a 6 anos, extremamente pobres, para que tenham garantia de, pelo menos, uma refeição em sua mesa. É preciso dar continuidade na construção de creches, claro que no primeiro momento será difícil, devido a limitação de ordem orçamentária”, destacou Yglésio.

Iglésio encerrou falando sobre infraestrutura, afirmou que continuará com o Programa São Luís em Obras, principalmente nas áreas de maior vulnerabilidade, mapeando os locais mais caóticos nos primeiros meses de governo. “Temos mostrado para São Luís as forças de nossas propostas e a capital pode ser melhor., não com base em falsas promessas, mas com o sentimento de quando se fala a verdade. Vamos criar uma liga entre Prefeitura e cidadão, baseada na verdade, com isso, alcançaremos resultados extraordinários. Vamos fazer muita coisa pela cidade”, finalizou o candidato.