Mais de 70 cobras foram capturadas de janeiro até setembro em São Luís

O Centro Integrado de Operações de Segurança (CIOPS) aponta que mais de 70 cobras foram capturadas de janeiro a setembro em toda região metropolitana de São Luís.

Nos primeiros 15 dias de outubro deste ano, 4 cobras foram capturadas em bairros da Grande São Luís, segundo o CIOPS. As ocorrências foram registradas nos bairros do Altos do Calhau, Parque Jair, Bom Jardim e Anil. A justificativa estaria na alta temperatura e no desmatamento no habitat natural destes animais, fazendo com que eles migrem para outros espaços.

De acordo com o CIOPS, as cobras começam a aparecer com mais frequência em casas que têm vegetações ao entorno ou restos de materiais como madeiras, telhas e tijolos – que favorecem a proliferação de animais como ratos e baratas, alimentos das cobras.

O Corpo de Bombeiros é o responsável pela captura correta e a soltura imediata em local apropriado destes animais silvestres, que geralmente são encaminhados ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS), evitando acidentes às pessoas e protegendo as espécies.

A orientação é que as pessoas não se aproximem, cutuquem e nem matem estes animais ao encontrá-los em ambientes urbanos. Ao avistar uma cobra, é preciso isolar a área, retirar crianças e animais de estimação e acionar os imediatamente bombeiros pelo 192.