Programa Escola Digna contemplará 16 escolas no Maranhão

Mesmo com a suspensão das aulas presenciais da Rede Pública, o Governo do Maranhão inaugura unidades escolares que integram o Programa Escola Digna. Para o mês de outubro, a expectativa é que 16 escolas beneficiarão centenas de estudantes na capital e interior, contemplando área urbana e rural.

O objetivo desse projeto é substituir construções precárias de taipa e barro por prédios de alvenaria e equipados com mobiliário e materiais diversos para o melhor aprendizado.

De acordo com o cronograma de entregas, o primeiro município a receber será Porto Rico do Maranhão (dia 16). Aldeias Altas (dia 19), mais duas unidades em São Luís (dia 20), São José de Ribamar (dia 20), Barreirinhas (dia 22), duas em Santa Luzia (dia 26), Altamira do Maranhão (dia 27), Timbiras e Lagoa Grande do Maranhão (dia 29) e Godofredo Viana (data a definir). 

Entre as unidades inauguradas está a Instituto de Educação do Maranhão – Integral Bilíngue, na capital. Localizada no bairro Bequimão, a escola tem capacidade para atender 200 alunos, oferecendo educação em tempo integral e com ensino de língua estrangeira. A unidade é a primeira escola no ensino bilíngue e em tempo integral da rede pública do Estado. A solenidade de inauguração, marcada para as 10h, deste sábado (10), será conduzida pelo governador Flávio Dino.

O secretário de Estado da Educação (Seduc), Felipe Camarão, destaca que o pacote de obras do programa Escola Digna consolida a missão do Governo do Estado em tornar cada vez melhor a educação pública maranhense. “Esse avanço se comprova com a elevação dos indicadores educacionais do Estado, com o maior destaque de estudantes maranhenses em competições e concursos nacionais. A implantação da rede IEMA, oferecendo educação em tempo integral, com foco na formação profissionalizante, reforça esse trabalho da gestão”, pontua.

O município de São Vicente Férrer passa a contar com uma unidade do Instituto de Educação Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA). O prédio foi totalmente construído, equipado e estruturado e será entregue à comunidade escolar da região no dia 15. A escola possui 12 salas de aula, seis laboratórios, auditório com 198 lugares, quadra poliesportiva coberta, cozinha industrial, refeitório e estação de esgoto com tratamento de até 95% dos resíduos. No mesmo dia, será entregue a UE Manoel Batista – Anexo, na cidade de Raposa.  

O Centro de Ensino Vereadora Neide Costa, em Água Doce do Maranhão, foi a primeira unidade entregue na agenda deste mês. A escola recebeu serviços de reforma e ampliação.

Com informações do site Governo do Maranhão.