“Hora D” ressalta envolvimento de adolescente na execução de esquartejamento

O programa Hora D desta terça-feira (29), apresentado pela jornalista Keith Almeida na TV Difusora, mostra o resultado de operações realizadas na Grande Ilha no combate à criminalidade. Já foram mais de 50 pessoas presas pelas forças de segurança para conter onda de violência que atingiu a capital maranhense. De quarta até a última segunda-feira foram, pelo menos, 15 pessoas assassinadas. Durante a edição, Keith reforça a importância das operações Ilha Segura e Catraca na região metropolitana.

ESQUARTEJAMENTO COROATÁ

Em Coroatá, foi preso um homem identificado como Jhonatan, de 21 anos. Ele confessou ter matado e esquartejado o jovem Alan Vieira. O caso aconteceu na cidade de Coroatá, a 260 quilômetros da capital. O delegado Francisco Fontenele atualiza a investigação, já que a namorada do suspeito, uma adolescente de 16 anos, também teria envolvimento no caso – do planejamento à execução do crime. Veja:

BRIGA NA MADRE DEUS

Na Madre Deus, a Polícia Civil está analisando as imagens de uma briga que ocorreu no fim de semana, na saída de uma festa que estava sendo realizada em uma casa de eventos. As imagens foram gravadas por pessoas que presenciaram uma briga e o vídeo foi parar nas redes sociais. Ninguém foi atingido e a polícia agora tenta identificar as pessoas envolvidas na confusão.

SEMANA DE TRÂNSITO

A Polícia Rodoviária Federal divulgou dados da Semana Nacional de Trânsito: 85% das mortes ocasionadas por acidentes no trânsito foram de ocupantes de motocicletas. Foram aplicadas 744 multas, sendo destaque para a infração de condutor ou passageiro sem capacete: 204 autuações. Sete mortes foram registradas em rodovias do Maranhão: cinco na BR-010 e duas na BR-316.

OFICINAS NO GUARNICÊ

Estão abertas as inscrições para oficinas que serão ministradas no 43° Festival Guarnicê de Cinema. Estão sendo oferecidas 120 vagas em 6 oficinas, com 20 participantes cada uma e carga horária de 30 horas. As oficinas serão realizadas de 13 a 21 de outubro deste ano. As inscrições podem ser feitas pelo site guarnice.ufma.br, até o dia 30 de setembro. Segundo os organizadores do evento, todas as seis oficinas serão ministradas por especialistas mulheres.