Home Cultura Entregue à população, Praça dos Poetas homenageia gerações de escritores maranhenses

Entregue à população, Praça dos Poetas homenageia gerações de escritores maranhenses

Featured Video Play Icon

A “Atenas Brasileira”, prestes a completar 408 anos, ganhou um espaço para homenagear as gerações de poetas e escritores maranhenses. Localizada na Avenida Dom Pedro II, no Centro Histórico de São Luís, a Praça dos Poetas foi entregue à população e se junta a outros espaços de lazer e cultura da capital que foram revitalizados. 

A Praça conta com um mirante e, no trajeto até ele, são homenageados dez escritores e poetas maranhenses: Ferreira Gullar, Catulo da Paixão Cearense, Nauro Machado, Sousândrade, Bandeira Tribuzzi, José Chagas, Gonçalves Dias, Maria Firmina, Dagmar Destêrro e Lucy Teixeira.

O espaço tem 1.130 m² e possui, ainda, quiosques, banheiros públicos e tratamento paisagístico, além de detalhes arquitetônicos que remontam o colonial e o moderno. 

A obra integra o Programa Nosso Centro, do Governo do Estado, e faz parte de um amplo programa de requalificação de pontos históricos da cidade, por meio de ações como o Programa de Revitalização do Centro Histórico da Prefeitura de São Luís, financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), e o PAC Cidades Históricas, do Governo Federal/IPHAN.

História do Local

Até meados do século XX, o espaço da Praça dos Poetas abrigava um sobrado colonial, vizinho à antiga casa de Ana Jansen. O sobrado foi demolido e durante algum tempo funcionaram alguns restaurantes que tinham o privilégio da vista panorâmica para o Rio Anil. Com a saída dos restaurantes, o lugar permaneceu abandonado, deteriorado pela ação do tempo, e por último foi ocupado pelo grupo cultural de Tambor de Crioula do Mestre Amaral.