Home Notícias Educação Veja regras que escolas privadas terão de seguir na volta às aulas segunda

Veja regras que escolas privadas terão de seguir na volta às aulas segunda

Veja regras que escolas privadas terão de seguir na volta às aulas segunda

Escolas particulares do Maranhão mantiveram a decisão de retomar as aulas presenciais na próxima segunda-feira (03).

O Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Maranhão (SINEPE-MA) garante estar respaldado em Decreto que suspende aulas presenciais até o dia 2 de agosto.

Veja abaixo o protocolo sanitário que as escolas devem obedecer no retorno às aulas, segundo o SINEPE:

  • Criar um protocolo de segurança sanitária;
  • Orientação constante sobre o uso e manuseio das máscaras;
  • Proibição do uso coletivo de bebedouros;
  • Adoção de garrafas de água individuais;
  • Realizar a divisão das turmas em grupos;
  • Distribuir álcool em gel para os alunos e instalar reservatórios com o produto nas dependências;
  • Estabelecer horários diferenciados de entrada e saída;
  • Escalar dias para as aulas presenciais;
  • Distanciamento mínimo de 1,5m entre os estudantes.

RETORNO NA REDE ESTADUAL

Atendendo a uma solicitação do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica das Redes Públicas Estadual e Municipais do Estado do Maranhão (SINPROESEMMA), o Governo do Estado resolveu adiar o retorno das aulas presenciais para os alunos do 3° ano do ensino médio, que estava marcado para o próximo dia 10 de agosto.

Além da insegurança dos professores, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) respaldou a decisão do adiamento após consulta feita com alunos e seus responsáveis. A Comissão de Defesa da Educação, da seccional Maranhão na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MA) garante que a decisão, tomada de comum acordo, atende, principalmente, ao respeito pela vida.

A secretaria ainda não tem uma previsão de quando será o retorno, mas já anunciou que vai intensificar alternativas para garantir o ensino remoto e o acesso aos conteúdos por todos os alunos com a distribuição de chips.