Home Maranhão Número de doações de sangue cai quase pela metade em Caxias

Número de doações de sangue cai quase pela metade em Caxias

Featured Video Play Icon

Com a pandemia, o número de doações de sangue caiu quase pela metade em Caxias, na região dos cocais. A campanha Junho Vermelho pretende lembrar a importância da doação nesse momento.

Na sede do Centro de Hematologia e Hemoterapia do Maranhão (Hemomar), em Caxias, os locais destinados ao armazenamento de bolsas de sangue estão quase vazios. De acordo com a direção do Hemonúcleo de Caxias, desde o surgimento da pandemia do novo coronavírus, as doações caíram em 40%. Uma média considerada alta, fator que põe em risco a vida de centenas de pacientes do município e de outras regiões que necessitam do sangue.

Nesse período, o hemocentro aproveita a campanha Junho Vermelho para alertar a população sobre a importância de continuar doando sangue. A baixa no estoque no sangue também atinge pacientes com câncer atendidos pelo Hospital Macroregional de Caxias. Atualmente, o processo de doação de sangue no Hemomar da região ocorre por meio de agendamento telefônico feito pelo número (99) 98811-8761. O hemocentro Caxias funciona na Avenida Walter Brito, S/N, bairro Campo de Belém.

Os requisitos para doar sangue é estar com bom estado de saúde e seguir os seguintes passos:

  • Estar alimentado. Evite alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação de sangue.
  • Caso seja após o almoço, aguardar 2 horas.
  • Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas.
  • Pessoas com idade entre 60 e 69 anos só poderão doar sangue se já o tiverem feito antes dos 60 anos.
  • A frequência máxima é de quatro doações de sangue anuais para o homem e de três doações de sangue anuais para as mulher.
  • O intervalo mínimo entre uma doação de sangue e outra é de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres.