Home Maranhão São Luís Família faz apelo para conseguir doações de plaquetas na capital

Família faz apelo para conseguir doações de plaquetas na capital

Família faz apelo para conseguir doações de plaquetas na capital

Rosecler Fátima Pasquetti precisa de doações de sangue do tipo B ou AB+. A paciente está muito debilitada em casa com menos de cinco mil plaquetas. Devido à imunidade baixa, familiares temem que ela seja internada em uma unidade de saúde.

As doações podem ser feitas diretamente no Centro de Hematologia e Hemoterapia do Maranhão (HEMOMAR), no bairro Jordoa, em São Luís. Mais informações com os familiares de Rosecler: Felipe (99) 98412-9602 ou Gislaine (98) 98404-8728.

“Nas Unidades de Pronto Atendimento ela não pode ficar por conta da imunidade, que está baixa. Precisamos de muitos doadores de sangue para poder retirar as plaquetas”, disse uma amiga de Rosecler.

Quem pode doar plaquetas?

Pessoas com idade entre 18 e 69 anos; que pesem mais que 50 quilos; estejam em boas condições de saúde; e não façam uso de ácido acetilsalicílico (AAS) e anti-inflamatórios podem doar plaquetas.

O sangue é retirado da veia de um dos braços, como na doação convencional. A diferença é que o sangue passa por um equipamento que retém parte das plaquetas e retorna para o doador, com todos os outros elementos. Esse processo é feito de forma segura com material descartável e livre de contaminações. Esta doação, que deve ser agendada com antecedência, dura cerca de uma hora e meia.