Companheiro de cabeleireiro morto em salão ainda não foi localizado

Permaneceu de portas fechadas o salão de beleza onde foi assassinado o cabeleireiro Wennyson Fernandes Miranda, o Xexéu. O crime aconteceu nesta quarta-feira (05) na Isabel Cafeteira, região da Cohab.

Há dois dias a vítima estava desaparecida, no corpo foram deixados sinais de violência que indicam que a morte não teria sido acidental ou suicídio. O corpo foi encontrado pelo padrasto e logo o Instituto de Criminalística (ICRIM) foi acionado.

Segundo a polícia, Xexéu morava com um companheiro com quem mantinha relacionamento homoafetivo. Ele continua sendo procurado pela polícia. A principal suspeita até o momento é de que a vítima tenha sofrido estrangulamento. O ICRIM ainda vai confirmar a causa da morte e há quantos dias o crime aconteceu.