Policial mata homem que teria feito ameaça ao seu pai dentro de bar

Um policial militar identificado como Wellison de Sousa Oliveira se entregou espontaneamente à Central de Flagrantes de São João dos Patos neste sábado (25). Ele matou por volta das 20h um homem conhecido como João da Cruz de Silva Freitas.

O crime aconteceu no município de Sucupira do Riachão, a 540 quilômetros da capital maranhense. Wellison Oliveira entregou à polícia a pistola .40 que estava em posse dele. O PM disse em interrogatório que estava em um bar acompanhado do pai jogando sinuca, quando João da Cruz pegou uma faca e ameaçou seu pai de morte.

Wellison disse ter efetuado um disparo de arma de fogo para afastar o homem, que partiu para cima com a faca e acabou sendo baleado. A polícia se deslocou até o local, colheu informações sobre o caso e intimou testemunhas para comparecerem até a Delegacia Regional de São João dos Patos.

Além disso, foi expedido também exame de corpo de delito de Wellison e exame cadavérico de João da Cruz.

CRIMES ENVOLVENDO POLICIAIS

Também no sábado (25), um policial militar foi preso em um condomínio localizado no bairro Vicente Fialho, em São Luís. Ele é suspeito de matar a companheira e o suposto amante dela. O PM Carlos Eduardo Nunes teria chegado por volta de 13h30 no apartamento que dividia com a mulher e encontrou os dois dentro de um quarto.