Polícia do PI fará reconstituição da morte do estudante de Odontologia do MA

Será realizada nos próximos dias a reconstituição da morte do estudante de Odontologia, Geniscleo Pereira da Silva, de 31 anos. O maranhense foi morto com um tiro no último 24 de novembro, na BR-343, em Teresina.

Nesta quinta-feira (05), as cinco pessoas que estavam no carro prestaram depoimento no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) do Piauí. Amigos da vítima temem retaliações e até novos ataques, já que não sabem o que motivou o disparo.

Segundo Boletim de Ocorrência registrado no dia do ocorrido, o carro onde estava Geniscleo “fechou “ um outro veículo. Neste momento, os motoristas de ambos os carros baixaram o vidro dos veículos e se encararam. Não teria ocorrido nenhuma discussão, apenas uma intensa troca de olhares. A vítima teria sido seguida e acabou sendo baleada.

O DHPP assumiu oficialmente as investigações do caso esta semana. O delegado Jarbas Lima, responsável pelo caso, já iniciou diligências para investigar o que, de fato, ocorreu.

Geniscleo morava em Teresina para estudar odontologia. Nesta semana, amigos de faculdade do jovem realizaram protesto pedindo justiça. Com informações do Cidade Verde.