Corpo de Bombeiros alerta para o perigo de incêndios florestais na região tocantina

Nesta época do ano, a vegetação seca, a baixa umidade do ar e a falta de chuva contribuem para o aumento dos incêndios na região tocantina.

O volume de chuva para o mês de novembro ainda não é o esperado e a vegetação seca continua sendo cenário para ocorrências de incêndio. Em caso recente, moradores de um loteamento e de residenciais no bairro Santa Inês, em Imperatriz, viram o as chamas se aproximarem e a rua coberta por fumaça. Segundo o Corpo de Bombeiros, o incêndio registrado na área na ultima segunda-feira (18) foi provocado quando alguém resolver usar fogo para limpar parte de um terreno. As labaredas se espalharam e a fumaça incomodou a vizinhança.

Motoristas ficaram sem visibilidade e os dois veículos caíram em uma vala próximo à vegetação em chamas. Moradores tentaram apagar o fogo, que só foi controlado com a chegada dos bombeiros. No ano passado, o mês de novembro fechou com 5 ocorrências de incêndio em vegetação. Os números de novembro desse ano ainda não foram divulgados.