Prática de atividade física previne arritmias cardíacas e morte súbita

Vai ser aberta nesta terça-feira (12) uma campanha que faz um alerta para a alta incidência e consequências das arritmias cardíacas. A atividade física e uma prevenção importante para essas e outras doenças cardiológicas.

A arritmia atinge cerca de 200 milhões de brasileiros, já a morte súbita acomete mais de 320 mil pessoas por ano. A doença se caracteriza pela alteração no ritmo dos batimentos do coração. Em geral, essa frequência deve se manter entre 50 e 100 batidas por minutos, variando de acordo com a idade, o sexo e prática de atividade física.

No dia de conscientização da doença, que este ano tem como tema “Coração na Medida Certa”, várias cidades em todo o país tratam da importância do diagnóstico e tratamento das arritmias.