Vice-prefeito de Coroatá entrega filho suspeito de latrocínio à polícia

Domingos Júnior foi entregue pelo pai.

Dois homens identificados Domingos Alberto Alves de Sousa Júnior e Marcos Felipe Barros Rocha foram presos nesta sexta-feira (14) pelas polícias Civil e Militar de Coroatá, a 260 quilômetros da capital maranhense. Os dois são apontados pelo roubo seguido de morte de Gilson Carlos da Silva, em um bar no povoado Macaúba, na zona rural da cidade.

Marcos Felipe foi preso na tarde desta sexta.

Domingos Júnior é filho do vice-prefeito de Coroatá e foi apresentado na delegacia pelo próprio pai. O outro suspeito, Marcos Felipe, foi localizado na tarde desta sexta-feira (14). Ambos foram encaminhados para a Unidade Prisional de Ressocialização (UPR) de Coroatá.

O delegado titular do município, Francisco Fontenele Júnior, ressaltou a rápida decisão de prisão preventiva, concedida pela juíza de Coroatá, Anelise Nogueira Reginato, ao apreciar e conceder o pedido feito pela Polícia Civil. As buscas contaram com apoio do 24° Batalhão de Polícia Militar.