HomeMaranhãoSão Luís Adiada audiência de envolvido em triplo homicídio no Coquilho

Adiada audiência de envolvido em triplo homicídio no Coquilho

Adiada audiência de envolvido em triplo homicídio no Coquilho

Foi adiada para a próxima sexta-feira (14) a audiência de instrução sobre o caso do triplo homicídio de adolescentes encontrados em terreno particular de empresa de ônibus no bairro Santa Bárbara, na região do Coquilho, em São Luís. O crime aconteceu em janeiro deste ano.

O pedido de adiamento foi feito por um dos advogados de defesa do soldado da Polícia Militar, Hamilton Caires Linhares, que é apontado como autor dos disparos de arma de fogo contra os adolescentes Gildean Castro Silva, de 14 anos, Gustavo Feitosa Monroe, de 18 anos, e Joanderson da Silca Muniz, de 17 anos.

 

PARTICIPAÇÃO NO CRIME

Além de Hamilton Caires também é acusado de participação no crime o vigilante Evilasio Lemos Ribeiro Junior. A investigação está em fase inicial, nesta etapa do processo podem ocorrer várias audiências. Evilasio foi quem auxiliou o soldado Hamilton Caires Linhares na perseguição e contenção das vítimas.

Em razão da dinâmica dos assassinatos, as investigações e laudos periciais identificaram que pelo menos duas pessoas estiveram na cena do crime em poder das vítimas. Houve perseguição e Evilasio teria perdido um óculos esporte da esposa na trilha onde ocorreu o crime. O acessório foi recolhido pela Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP) e Evilasio admitiu que o tinha perdido na trilha e no dia do crime.