HomeMaranhãoSão Luís São Luís é a 12º cidade a receber projeto de controle social contra corrupção

São Luís é a 12º cidade a receber projeto de controle social contra corrupção

São Luís é a 12º cidade a receber projeto de controle social contra corrupção

De acordo com o ranking da Transparência Internacional, organização que avalia a percepção no setor público em 180 países, a pontuação brasileira no ano passado recuou para 35 e o país passou a ocupar o 105º lugar no Índice de Percepção da Corrupção (IPC). Esse é o pior resultado desde 2012, com uma queda de 9 posições. Menos corrupto é o país quanto melhor é a sua posição no ranking.

Dados como esse apontam para a necessidade de uma compreensão mais clara dos mecanismos e do alcance da corrupção no país, assim como de um maior número de organismos e pessoas envolvidas no seu enfrentamento. Um dos caminhos é o fortalecimento do controle social, o controle dos gastos públicos realizado pelo próprio cidadão, utilizando os mecanismos de transparência assegurados pela legislação do país.

O assunto esteve em debate, na última quarta-feira (22), no Tribunal de Contas do Estado (TCE), com o lançamento regional do projeto Abraçando o Controle Social. São Luís foi a 12º cidade a receber o lançamento da iniciativa, que tem como objetivo contribuir para a conscientização dos profissionais da contabilidade, gestores do âmbito público e a sociedade civil sobre a importância do funcionamento dos mecanismos de controle social para o desenvolvimento do País.

Um dos apoiadores do evento, por meio de sua Escola Superior de Controle Externo (Escex) o TCE foi um dos destaques da programação, com a palestra “Contas na mão – ferramenta de transparência social”, apresentada pela auditora e gestora de uma das unidades técnicas do Tribunal, Flaviana Pinheiro da Silva. Ela demonstrou as funcionalidades do portal “Contas na Mão”, que garante a qualquer cidadão o acompanhamento das finanças, investimentos e aplicação do dinheiro público em todas as regiões do Estado.

Idealizado pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC) e pela Academia Brasileira de Ciências Contábeis (Abracicon), o projeto conta com a parceria do Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci); da Fundação Brasileira de Contabilidade (FBC); da Controladoria-Geral da União (CGU); e da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon). No estado, o evento é realizado pelo Conselho Regional de Contabilidade do Maranhão (CRCMA) com o apoio do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA); da Prefeitura de São Luís; da Escola Superior de Controle Externo de São Luís; e da escola Upaon Açu.