Home Maranhão Maio Amarelo: Campanha pela Vida no Trânsito é lançada no MA

Maio Amarelo: Campanha pela Vida no Trânsito é lançada no MA

Maio Amarelo: Campanha pela Vida no Trânsito é lançada no MA

Com o tema ‘No trânsito, o sentido é a vida’, foi lançada a campanha Maio Amarelo 2019, em solenidade na manhã desta segunda-feira (29), no Palácio Henrique de La Roque, Calhau. A iniciativa chama atenção para as mortes no trânsito que resultam da combinação bebida alcoólica e volante. Na ocasião, foram apresentadas as estratégias para as atividades da campanha deste ano.

A diretora do Detran-MA, Larissa Abdalla, pontuou os índices alarmantes dos acidentes de trânsito, apesar das fiscalizações e ações educativas promovidas no país. “Para alertar sobre estes números e trabalhar ainda mais pela sua redução, todos os Detrans estarão unindo esforços nesta campanha. O tema reforça os debates dos anos anteriores e tem como foco chamar de todos para a ação e reflexão, agregando poder público e sociedade nesta luta. A campanha nos alerta a mudar nossas posturas no trânsito e pensar no outro”, destacou a diretora do órgão.

Durante a campanha, o Detran-MA intensifica as atividades de Educação para o Trânsito com iniciativas em todo o estado e permanece atuante com as fiscalizações. São atividades voltadas aos condutores nas estradas e à população, com ações educativas em pontos estratégicos de alguns bairros. O trabalho reúne as 15 Circunscrições Regionais de Trânsito do Maranhão (Ciretrans). Ainda na programação do Maio Amarelo, ações nas escolas, instituições privadas e espaços públicos.

A campanha se faz ainda significativa por este ano ser comemorado 25 anos do Código Brasileiro de Trânsito (CBT). Segundo pesquisa da Organização das Nações Unidas (ONU), os acidentes de trânsito são a maior causa de mortes entre jovens de 15 anos a 25 anos. O tema da campanha foi escolhido pelo Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV) e aprovado pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

Segurança no trânsito

O Maio Amarelo é promovido desde 2010, instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU). O órgão definiu o período entre 2011 a 2020 como a década de ações para a segurança no trânsito. O objetivo do movimento é uma ação coordenada entre o poder público e a sociedade civil para debater a segurança nas mais diferentes esferas e alertar ao alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo. A cor amarela se refere ao sinal de advertência dos semáforos.