Home Maranhão São Luís Defesa Civil Estadual monitora situação de casarões do Centro Histórico

Defesa Civil Estadual monitora situação de casarões do Centro Histórico

Featured Video Play Icon

Casarões do Centro Histórico de São Luís, ameaçados de desabamento, continuam sendo monitorados pela Defesa Civil Estadual. Pelo menos 12 imóveis correm alto risco de desabar.

A principal preocupação é por conta das fortes chuvas que têm caído sobre a capital maranhense e que tem fragilizado ainda mais a estrutura dos prédios. No último fim de semana um imóvel desabou na Rua Jacinto Maia. A via já foi isolada pelo Corpo de Bombeiros e os trabalhos de prevenção para evitar novos desastres já iniciaram, como a colocação de escoras. O entorno do prédio também foi isolado com placas metálicas.

O Corpo de Bombeiros vem atuando desde o ano passado, antes mesmo do início do período chuvoso na ilha de São Luís. A Defesa Civil Estadual mapeou no Centro Histórico de São Luís, 92 imóveis com pequeno, médio ou grande risco de desabamento, sendo que 12 deles são de alto risco. Dos 1.413 prédios que foram tomados na área pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), pelo menos 80 enfrentam problemas estruturais.

Ainda de acordo com o IPHAN, a grande maioria dos imóveis precisa de intervenção emergencial e é de propriedade particular, o que dificulta a ação de órgãos públicos.