Home Maranhão Alcântara Acordo de salvaguardas tecnológicas permite uso comercial do CLA

Acordo de salvaguardas tecnológicas permite uso comercial do CLA

Acordo de salvaguardas tecnológicas permite uso comercial do CLA

Nesta segunda-feira (18), foi assinado o acordo de salvaguardas tecnológicas (AST) para permitir o uso comercial do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), no Maranhão. Esse acordo foi assinado por representantes dos governos do Brasil e dos Estados Unidos, em Washington (EUA). O acordo prevê que os Estados Unidos poderão lançar satélites e foguetes da base maranhense. O território continuará sob jurisdição brasileira.

O ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, durante assinatura do acordo que permite aos EUA lançar satélites da base de Alcântara (MA) — Foto: Alan Santos/Presidência da República

Alcântara

Conhecida como “a cidade que parou no tempo”, Alcântara,  município da Região Metropolitana de São Luís,  guarda um conjunto de mais de 300 construções coloniais – muitas em ruínas, como a Matriz de São Matias, cartão-postal da cidade. Sobrados, igrejas e palácios são heranças do período de ouro da vila que, no século 18, teve seu apogeu com as lavouras de cana-de-açúcar e de algodão.

Alcântara, localizada no norte do Maranhão.

Atualmente, o município de Alcântara possui mais de 200 comunidades quilombolas, 3 delas certificadas. Comunidades e vila de pescadores estão localizadas dentro da área do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), localizado no norte do Maranhão. O Programa Câmera 4 mostrou a luta e a resistência desses povos. Confira na íntegra: