Home Maranhão São Luís Professor do Colun é afastado após denúncias de assédio sexual

Professor do Colun é afastado após denúncias de assédio sexual

Professor do Colun é afastado após denúncias de assédio sexual

A Universidade Federal do Maranhão (UFMA) decidiu afastar um professor de química do Colégio Universitário da Universidade Federal do Maranhão por suspeita de assédio. O caso está sendo acompanhado pela Delegacia de Proteção da Criança e Adolescente (DPCA), a delegacia ainda encaminhou a situação de assédio sexual dentro de escola para ciência da Secretaria de Educação.

De acordo com a delegada do caso, Ana Zélia, até o momento uma adolescente foi vítima e já foi ouvida, além de duas testemunhas. A delegada informou ainda que a vítima afirmou existirem outras alunas que também teriam sofrido assédio. Um inquérito policial foi aberto e mais adolescentes e testemunhas devem ser ouvidas.

Um grupo de alunas e ex-alunas denunciaram o assédio nas mídias sociais, pelo menos 15 meninas disseram ter sido assediadas com elogios, além de propostas sexuais em troca de pontuações. Em 2015, uma outra adolescente também denunciou o caso, ela informou que esse assédio acontecia por mensagens e pessoalmente. Após a denúncia, ela foi mudada de sala.

A UFMA ao tomar conhecimento da última ocorrência, informou ainda que as providências legais cabíveis no âmbito da instituição já foram tomadas, em atenção aos trâmites previstos para ocorrências dessa natureza. A universidade informou ainda seu compromisso com a verdade e a justiça e reitera que repudia veementemente qualquer prática de assédio e que considera essa prática inadmissível em quaisquer circunstâncias e locais.

O suspeito tem graduação em Química Licenciatura pela Universidade Federal do Maranhão, além da graduação em Direito. Atualmente é advogado – Ordem dos Advogados do Brasil, representante da OAB-MA no Conerh/SEMA-MA, membro de comissão da Ordem de Advogados do Brasil – MA.