Home Notícias Educação Governo cria programa de intercâmbio O Mundo no IEMA

Governo cria programa de intercâmbio O Mundo no IEMA

Governo cria programa de intercâmbio O Mundo no IEMA

Com a assinatura da Resolução Nº 94, de 24 de janeiro de 2019, o Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) cria, oficialmente, o programa O Mundo no IEMA, que tem por objetivo atrair e acolher estudantes estrangeiros para a realização de intercâmbio nas unidades plenas do ensino médio técnico de tempo integral do Instituto.

A resolução foi assinada na tarde desta quinta-feira (24) pelo reitor do IEMA, Jhonatan Almada. “A resolução institucionaliza o programa, visto que já recebemos a Maria Julieta Munoz, da Argentina, primeira estudante estrangeira a aderir a essa proposta”, disse Jhonatan Almada, pontuando que, a partir de agora a equipe do IEMA, junto a empresas, órgãos e parceiros, vai trabalhar para atrair outros estudantes.

Almada ressaltou que o IEMA é a primeira instituição pública estadual a ter um programa de high school, ou seja, a trazer estudantes do exterior para estudar no Maranhão. “O que estamos fazendo é uma quebra de paradigmas, é uma mudança da forma de fazer e ver a educação no Maranhão. Estamos dizendo que nossa educação é boa não só para nós, mas para as pessoas de outros países. É um marco dos quatro anos do IEMA, porque o Instituto representa essa capacidade de inovação.”

O sucesso do IEMA no Mundo, primeiro programa de intercâmbio do IEMA e que oportuniza intercâmbio na modalidade high school para estudantes – brasileiros viajam para o exterior -, contribuiu bastante para a criação de O Mundo no IEMA. Outros fatores que influenciaram foram o fato de o IEMA ser escola associada da Unesco (Rede PEA), participando da rede global de 11 mil instituições de ensino em 181 países, e também porque o Instituto tem o compromisso de formar estudantes para o exercício da cidadania global.

De acordo com o IEMA, poderão ser firmadas parcerias com empresas e instituições públicas ou privadas para a oferta de vagas de intercâmbio, sendo observado o calendário acadêmico da escola. O programa “O Mundo no IEMA” está vinculado à Diretoria de Ensino e Pesquisa do IEMA (Diren), e os estudantes estrangeiros receberão certificado para registro e validação dos componentes curriculares cursado no IEMA. “Os estudantes estrangeiros irão se matricular em todas as disciplinas.

São 13 da Base Nacional Comum e mais as da base técnica. Ao final do semestre recebem um histórico das disciplinas cursadas com a carga horária para a equivalência com o currículo do país de origem deles”, explicou o professor Elinaldo Silva, diretor de Ensino Pesquisa do Instituto. A princípio, o programa acontece apenas em São Luís, a partir do início do semestre letivo, com início previsto para o dia 11 de fevereiro.

Por Ascom