Home Notícias Eleito com mais de 80% dos votos, reitor da UEMA fala sobre novo mandato

Eleito com mais de 80% dos votos, reitor da UEMA fala sobre novo mandato

Featured Video Play Icon

Empossados pela primeira vez em 2015, os professores Gustavo Pereira da Costa e Walter Canales Sant’Ana foram empossados para um novo mandato de reitor e vice-reitor, respectivamente, no último dia 2 de janeiro, para o quadriênio 2019-2022.

Durante a entrevista, o reitor Gustavo Pereira da Costa aproveitou para ressaltar o comprometimento da Universidade em ofertar para o Estado um ensino de qualidade. ” A UEMA, desde sua criação, nasceu vocacionada para o desenvolvimento do nosso Estado, o desenvolvimento social, humano, econômico, por meio, não só dos cursos  de formação superior que oferece, como também pela geração do conhecimento. A política de interiorização da nossa Universidade, a formação de professores, que é uma tradição da nossa instituição, são dois exemplos muito nítidos que continuam nos dias atuais da ação muito contundente da UEMA no sentido de melhorar os indicadores do nosso Estado; queles que afetam mais diretamente o desenvolvimento uniforme, obedecendo as questões  regionais do estado do Maranhão. Então a UEMA vem se desencubindo bem dessa missão em todos os campi que atua” afirmou o reitor.

O professor também apresentou alguns dados, em relação aos trabalhos da Universidade, que justificam os bons resultados da Instituição. ” Nesses últimos quatro anos, nós elevamos em 36% a oferta de vagas da graduação presencial, em quase 180% a taxa de matrícula da graduação a distância. Nós saltamos um número significativo, 94% no aumento do número de matrículas no cursos de mestrado e doutorado; criamos 15 novos cursos de graduação; temos agora três novos mestrados e dois novos doutorados, aprovados pela Capes”  disse o entrevistado.

De acordo com o reitor, a UEMA foi primeira Instituição do Estado credenciada para a educação à distância e hoje em dia é referência na gestão desses tipos de cursos. Nos próximos anos o objetivo é fortalecer esse tipo de modalidade de educação. ” Vislumbro para os próximos anos a consolidação desse trabalho. Não dá para imaginar chegar a pontos tão distantes, à pessoas que aguardavam muito tempo a oportunidade do ensino superior sem utilizar a tecnologia, sem utilizar as metodologias, que hoje são facilitadas pelo emprego de técnicas […] é algo que a Universidade vai dar sequência e nós já estamos nos inserindo nas discussões sobre a oferta de mestrado e doutorado à distância que foi recentemente autorizado pela Capes, afirmou.

Confira a entrevista completa no vídeo!