Home Maranhão São Luís Frente integrada discute revogação do projeto Escola sem Partido

Frente integrada discute revogação do projeto Escola sem Partido

Frente integrada discute revogação do projeto Escola sem Partido

Uma frente integrada por centenas de pessoas, entre elas estudantes e professores, discute na noite desta segunda-feira (12) a revogação de projetos que versam sobre a Escola sem Partido, Projeto de Lei que tramita na Câmara dos Vereadores de São Luís e que deve ser votado na próxima semana.

Na última reunião, que também aconteceu no prédio de História de Universidade Estadual do Maranhão localizado na Rua da Estrela, Centro Histórico em São Luís, pelo menos 100 pessoas da frente integrada estiveram reunidas.

 

ESCOLA COM LIBERDADE E SEM CENSURA

Nesta segunda-feira (12), o Governador do Maranhão editou nesta segunda-feira (12) Decreto que garante Escolas com Liberdade e Sem Censura no estado, nos termos do artigo 206 da Constituição Federal.

Pelo documento, Flávio Dino (PC do B) decreta que “todos os professores, estudantes e funcionários são livres para expressar seu pensamento e suas opiniões no ambiente escolar da rede estadual do Maranhão” e que a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) deve promover campanha de divulgação nas escolas sobre as garantias asseguradas na Constituição Federal acerca do ensino: “liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber”. Ele se manifestou por meio de seu perfil no Twitter sobre o assunto: