Home Notícias Ventos de até 62 km atingem Teresina e causam estragos em várias regiões

Ventos de até 62 km atingem Teresina e causam estragos em várias regiões

Ventos de até 62 km atingem Teresina e causam estragos em várias regiões

Uma ventania na noite desta segunda-feira (5) atingiu a cidade de Teresina. Segundo o climatologista Werton Costa, os ventos chegaram a 62 km causando estragos em várias regiões da cidade. No cruzamento da Avenida Irapuã Rocha com Dom Severino, uma árvore caiu interrompendo o trânsito.

O climatologista explicou que o fenômeno  foi causado pela presença de uma grande nuvem sobre Teresina e região chamada de cúmulo-nimbos.

“Esse ponto vermelho (mapa abaixo) é a nuvem instalada sobre Teresina. Ela representa grande quantidade de água e descarga elétrica. É uma típica nuvem isolada. Ela é muito comum no período chuvoso”, explicou o climatologista.

Apesar de assustar, o especialista diz que este tipo de nuvem é comum em Teresina.

“Essas nuvens são muito comuns em nossa capital, principalmente na chamada pré-estação, quando elas ocorrem de modo isolado. São nuvens de desenvolvimento vertical e que tendem a provocar muitas instabilidades. São sistemas que promovem a subida do ar quente e úmido e a liberação de ar quente e seco, geralmente acompanhado de fortes rajadas de vento”, disse.

Em alguns pontos da cidade houve queda de placas de propaganda, inclusive sobre carros. No bairro Mocambinho II, setor A, na zona Norte de Teresina, o vento arrancou pela raiz uma árvore que caiu sobre uma casa e também danificou a fiação elétrica. No início desta manhã (6), a região ainda permanecia sem energia.