Home Maranhão Aulão gratuito do Enem é oferecido para estudantes de baixa renda

Aulão gratuito do Enem é oferecido para estudantes de baixa renda

Aulão gratuito do Enem é oferecido para estudantes de baixa renda

Na reta final para o Exame Nacional do Ensino Médio 2018, os preparativos se intensificam e os estudantes buscam cada vez mais oportunidades para garantir a aprovação. Muitos estudantes de baixa renda buscam diversas oportunidades para rever assuntos com intuito de estarem mais preparados e vale tudo, incluindo aulão comunitário. Neste sábado (27), ocorrerá uma aula gratuita de física e matemática no Instituto de Ensino de Superior Franciscano (IESF), em Paço do Lumiar. Os interessados ainda podem se inscrever, basta mandar o nome completo via Whatsapp para o número (98) 98166-2014.  O aulão inicia a partir das 14h.

Já foram realizados quatro Aulões do Enem, em uma iniciativa do universitário Clayton Collins, mas o projeto ganhou musculatura com o apoio de profissionais da educação como os professores Joan Botelho, Júlio Botelho e Professor Tarcísio, que se engajaram com responsabilidade social, proporcionando  prestação de serviço para jovens de Paço do Lumiar.

A prova do Enem será aplicada em dois domingos consecutivos – dias 4 e 11 de novembro.  No primeiro domingo os candidatos farão as provas de Ciências Humanas (45 questões de geografia, história, filosofia e sociologia) e Linguagens e Códigos (45 questões de língua portuguesa, literatura e língua estrangeira, podendo ser inglês ou espanhol, a depender do que o candidato escolheu no momento da inscrição), além da redação (um texto de prosa dissertativo-argumentativo). No segundo domingo é a vez das provas de Ciências da Natureza (45 questões de biologia, química e física) e Matemática (45 questões).

O Ministério da Educação (MEC) alerta os estudantes que a partir do primeiro dia das provas o país terá quatro fusos horários diferentes. No Maranhão, o portão será aberto às 11h. O relógio deverá ser adiantado em um hora.

Esta é a primeira edição do Enem em que a solicitação de isenção foi anterior à inscrição, e que os participantes que estavam isentos e faltaram tiveram que justificar a ausência para obter novamente a gratuidade. Dos 2.017.253 ausentes no Enem 2017, 1.692.074 (83,8%) estavam isentos. Dos 222.132 ausentes reincidentes, 206.100 (92,7%) não tinham pagado para fazer o Exame. Apenas 4.345 conseguiram justificar a ausência.