Home Maranhão Violência contra religiões de matriz africana tem se tornado comum

Violência contra religiões de matriz africana tem se tornado comum

Featured Video Play Icon

Na madrugada desta última segunda-feira (3) um terreiro de umbanda foi atacado em São Luís. Práticas como essa têm se tornado comuns e aumentam a violência contra religiões de matriz africana.

Em entrevista ao Bom Dia Maranhão desta quinta-feira (6), Ana Amélia Bandeira do Centro de Cultura Negra (CCN) discutiu o assunto.

Confira o vídeo!