Home Maranhão Presos e apreendidos após tumulto em propriedade com cerca clandestina

Presos e apreendidos após tumulto em propriedade com cerca clandestina

Presos e apreendidos após tumulto em propriedade com cerca clandestina

Cinco homens foram presos pela Polícia Civil de Araioses, cidade a 306 quilômetros da capital, suspeitos dos crimes de furto qualificado e corrupção de menores. Na mesma ação, três adolescentes foram apreendidos também suspeitos da prática de furto qualificado.

Foram capturados Ellik Donald Pinho da Conceição, 20 anos, Geovane da Silva, 52 anos, José Ailton Machado da Silva, o Neguinho de 24 anos,  Francisco Antônio Vieira Vilar, o Miau de 38 anos, e Francisco Antônio Gomes dos Santos 19 anos.

As prisões aconteceram no bairro Comprida, em Araioses, na propriedade de Antônio de Pádua Benício de Carvalho, que está foragido desde o dia 19 de agosto após dois adolescentes morrerem eletrocutados em uma cerca de arame farpado energizada clandestinamente, onde existem viveiros de peixes.

Após as mortes dos jovens, populares foram até o local protestar e criminosos infiltrados aproveitaram a mobilização para destruir o patrimônio de Antônio Benício e para furtar bens de dentro da propriedade. Para manter a ordem no local, a Polícia Civil precisou interromper as buscas por Antônio Benício.

Os suspeitos e os objetos arrecadados foram encaminhados para a Delegacia Regional de Barreirinhas. Foram apreendidas 16 motocicletas, 4 bicicletas, além de 62kg de peixes que, após a pesagem, foram doados ao abrigo do Hospital Geral e a comunidades carentes. Os conduzidos permanecem presos na Delegacia Regional de Barreirinhas, aguardando o pronunciamento da justiça.

Além das Polícias Civil e Militar de Araioses, participaram homens das cidades de Água Doce do Maranhão, Paulino Neves e Chapadinha.