Home Maranhão Epitácio Cafeteira é velado na Assembleia Legislativa, em São Luís

Epitácio Cafeteira é velado na Assembleia Legislativa, em São Luís

Epitácio Cafeteira é velado na Assembleia Legislativa, em São Luís

O ex-governador Epitácio Cafeteira está sendo velado em São Luís na tarde desta segunda-feira (14), com honras de estado. No local, autoridades, familiares e admiradores presentes para dar um último adeus ao político. O corpo de Cafeteira chegou ao local por volta das 16h30 em veículo dos bombeiros. Cafeteira faleceu na noite deste domingo (13), em Brasília, em sua casa, e seu corpo chegou em São Luís às 15h50.

O velório estará aberto para todos os amigos que quiserem prestar as últimas homenagens. O sepultamento será na manhã desta terça-feira (15), às 9h, no Cemitério do Gavião, na Madre Deus. O governador Flávio Dino decretou luto oficial de sete dias no estado.

Aos 93 anos, Epitácio Cafeteira faleceu na tarde de domingo (13). Ele estava internado em casa, em Brasília, numa UTI residencial, em virtude do seu delicado estado de saúde, que vinha se agravando desde os últimos anos do seu mandato de senador, finalizado em 2014, quando ele já se locomovia com a ajuda de cadeira de rodas.

Nascido em João Pessoa, na Paraíba, Epitácio Cafeteira Afonso Pereira era filho de José Justino Pereira do Café e Eudóxia Afonso Pereira. A carreira política no Maranhão começou em 1962, quando foi eleito suplente de deputado federal pelo PR, chegando a exercer o cargo. Em 1965, foi eleito prefeito de São Luís e, posteriormente, ingressou no MDB. Foi prefeito da capital maranhense até 1969.

Em 1970, concorreu ao Senado pela primeira vez, mas foi derrotado. Em 1972, Epitácio Cafeteira foi eleito pela primeira vez como deputado federal e reeleito, em 1978 e 1982. Em 1986, foi eleito governador do Maranhão, com mais de 80% dos votos válidos.

Em 1990, renunciou ao Governo do Maranhão e foi eleito para o Senado Federal. Epitácio Cafeteira exerceu o cargo de senador com dois mandados, entre 1º de fevereiro de 1991 e 1º de fevereiro de 1999 e 1º de fevereiro de 2007 a 1º de fevereiro de 2015.

Foi dele, à frente do executivo estadual, a obra de revitalização da Praia Grande, no Centro Histórico de São Luís. O chamado “Projeto Reviver” alicerçou o processo que levou a capital do Maranhão, anos mais tarde, a ser reconhecida como Patrimônio Cultural da Humanidade.

 

Chegada do corpo em São Luís. Reprodução: divulgação
Corpo de Cafeteira chegando à Assembleia Legislativa. Foto: Layne Corrêa/SISTEMA DIFUSORA