Home Maranhão Decretado luto oficial de sete dias por morte de Cafeteira

Decretado luto oficial de sete dias por morte de Cafeteira

Decretado luto oficial de sete dias por morte de Cafeteira

Epitácio Cafeteira faleceu neste domingo, em Brasília, aos 93 anos. Ele exerceu os cargos de governador, senador, deputado federal e prefeito de São Luís. Ele está sendo velado na Assembleia Legislativa, em São Luís.

O governador Flávio Dino decretou luto oficial de sete dias no estado. “Meu abraço solidário para toda a família”, disse no Twitter.

A Prefeitura de São Luís também decretou luto oficial de sete dias. “Manifesto meu mais profundo sentimento de pesar pelo falecimento, neste domingo (13), do ex-governador do Maranhão, Epitácio Cafeteira. Cafeteira, em sua longa trajetória pública, também exerceu os cargos de prefeito de São Luís, deputado federal e senador da República, e deixa um grande legado. Neste momento de dor, solidarizo-me com familiares e amigos, em especial com o deputado estadual Rogério Cafeteira, sobrinho do ex-governador”, afirmou o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior.

Cafeteira também era tio do deputado estadual Rogério Cafeteira, que confirmou a informação por meio da mesma rede social. “Estamos todos muito consternados”, afirmou ele.

Em razão do falecimento do ex-governador Epitácio Cafeteira, o presidente da Assembleia, deputado Othelino Neto (PCdoB) também decretou luto oficial de três dias no Parlamento estadual.

O presidente estadual do MDB e atual vice-presidente do Senado, João Alberto, declarou que, tão logo soube da morte do ex-senador, entrou em contato com a presidência da Casa para garantir apoio na agilização dos trâmites para traslado do corpo até o Maranhão.

Em nota, assinada pelo senador, o MDB ressaltou que Cafeteira foi membro do partido e um “aliado valoroso”. “Neste momento de pesar, o MDB expressa o sentimento da classe política pela perda de uma das mais importantes lideranças políticas do Maranhão. Cafeteira foi sempre um aliado nosso, um aliado valoroso, um homem de visão e de posições firmes. Vai-se com ele um pedaço da história do nosso estado”, diz o comunicado.