Home Maranhão Acusados de estupro de vulnerável são condenados

Acusados de estupro de vulnerável são condenados

Acusados de estupro de vulnerável são condenados

Dois homens acusados de cometerem prática de estupro de vulnerável foram condenados a pedido do Ministério Público, no município de São João Batista. Paulo Silva Serra Pinto e Dennis Castelo Abreu devem cumprir, respectivamente, 10 anos, 4 meses e 6 dias e 12 anos, 10 meses e 15 dias de reclusão.

Paulo Silva Serra é acusado de praticar ato libidinoso contra duas meninas, uma de 7 e outra de 11 anos, no período do natal de 2017. O outro condenado, Dennis Castelo Abreu, manteve relações sexuais com uma menina de 11 anos, que resultou em gravidez. O réu foi vizinho da vítima durante aproximadamente quatro anos

Pelo mesmo crime, José Carlos Barbosa Pinheiro, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça até posterior decisão, na última segunda-feira (7). Ele teria praticado ato libidinoso com uma menina de 11 anos, dentro do comércio dele.

Defendeu a tese do Ministério Público do Maranhão o promotor de justiça Felipe Augusto Rotondo. Proferiu as sentenças o juiz José Ribamar Dias Júnior.